Tuesday, May 24, 2005

Televisão

Cheguei a casa. Tinhas saído.

O teu perfume pairava no ar feito paixão sem caminho.

Fui ao frigorífico e retirei uma garrafa de vinho branco que abri à bruta, deitando a rolha para o chão. Bebi meia garrafa de um trago e fiquei sentado à espera do efeito olhando o tecto...

Em momentos vi a televisão à minha frente rolar e o apresentador transformar-se num mostro de sete olhos. Apaguei aquela coisa e esperei por mais efeitos.

Nada veio, apenas o silêncio. Tu não estavas em casa.




Adormeci a chorar.





Tu não estavas em casa porque não vivias ali...

1 Comments:

Blogger Delírio da Loirinha said...

Querido C!
Alcool a mias dá nisso...
IHIHIH!!!
Beijinhos doces

3:01 AM  

Post a Comment

<< Home